Translate

O que você procura!

Inscreva-se por Email

17 fevereiro 2016

MULHERES PODEROSAS

da Historia

Parte IV



Catarina a Grande

Pedro o grande , pode ter construído essa cidade , mas foi Catarina a Grande , quem a fez brilhar.São Petersburgo é a cidade mais romântica da Russia , com seus suntuosos museus, esplendidas catedrais , amplos boulevards e canais.
Os guias de viagem costumavam chama-la de " Veneza eslava", mas , depois de alguns dias por la , você vai concordar que ,na verdade , Veneza é que é uma "São Petersburgo Italiana" .
Princesa alemã por nascimento , Catarina foi educada por uma governanta francesa e ingressou na família real russa ao se casar com o terrível grão-duque Pedro III ( nada"grande") .Impotente e imaturo , por 12 anos Pedro não conseguiu consumar o casamento . Em 1762 , alguns meses após ter subido ao trono , Catarina o tirou do poder e se tornou czarina da Russia . Nos 30 anos seguintes , ela acrescentou mais de 500 mil quilômetros quadrados ao território russo e fez dele um pais poderoso. Intelectual , Catarina se correspondia com Voltaire e Diderot e escreveu memorias, ficção e comedia.
Ela também fundou o instituto Smolny para meninas nobres.
Por isso , a Europa a considera uma monarca 'esclarecida", mas , em casa , ela estava mais para uma tirana , censurando publicações e enviando os críticos para um exilio . Também foi uma mãe severa para os dois filhos , Paulo e Orlov , e preferia seu neto mais velho , Alexandre (que depois se tornou o czar Alexandre I). Até hoje , correm boatos sobre a morte de Catarina , muitos dos quais envolvem sua suposta voracidade sexual . Mas os historiados dizem que ela simplesmente teve um AVC enquanto tomava banho e nunca recuperou a consciência.


O museu Hermitage é uma das heranças mais requintadas que ela deixou , e os russos competem com seus números como se fossem estatísticas do futebol :117 escadas , levam a 350 halls com 1.057 aposentos nos quais estão expostos lado a lado mais de 60 mil desenhos e 15 mil pinturas , junto com 12 mil esculturas e milhares de peças arqueológicas. Mas mesmo esse números  assombrosos não preparam ninguém para as paredes cobertas de ouro e malaquita , para os assoalhos com mosaicos de mármore e para os tetos repletos de lustres . E ainda tem a arte : Renoir , Picasso , Gauguin e Matisse .Pedro , o grande , foi quem começou essa coleção sem igual , mas foi Catarina quem comprou a maioria das pinturas mais importantes e construiu o Palacio de inverno para guarda-las.
Para realmente sentir como Catarina era visite o Palacio , o Yekaterininsky Dvorets , perto de Pushkin . Toda a família imperial , desde Pedro , o grande até os Romanov , passou os verões nessa cidade , antes conhecida como Tsarskoye Selo ou vila dos Czares. Construido em estilo barroco russo, o exterior do palácio é de um azul-turquesa brilhante , com colunas brancas ornadas de ouro e cupulas em forma de alho.
Lá dentro , um dos quartos é coberto com mais de uma tonelada de âmbar e reflete dúzias de tons de amarelo. Explore também os jardins, que são decorados com quedas-d'água , lagos ,caramanchões e pontes.Dizem que os estimados cães greyhounds de Catarina estão na pirâmide que fica no fim do lago. Pushkin fica a 24 quilômetros ao sul de São Petersburgo para chegar ,pegue um trem suburbano na estação de Vitebsk , ou um mini ônibus no metro de Moskovskaya.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...